O mês da mulher na Frísia foi marcado pela palestra virtual “As 4 forças da transformação”, ministrada por Chai Carioni. O evento reuniu principalmente cooperadas da geração sênior e júnior (a partir de 15 anos) e destacou a liderança da mulher na sociedade.

O evento virtual foi iniciado com a participação do diretor-presidente da Frísia, Renato Greidanus, que lembrou a relevância das mulheres na história da cooperativa. “Sabemos o quanto é importante o papel da mulher no sistema cooperativo e, principalmente, na Frísia, que completou 95 anos em 2020. Boa parte da sua história foi pautada pelo trabalho das mulheres. Vocês devem lembrar das suas mães, avós, bisavós, e o quanto trabalharam nas propriedades para desenvolver as atividades da agropecuária e da cooperativa”.

Liderança positiva

Para se obter melhores resultados, é importante ativar as “forças da transformação”, ou seja, emocional, empreendedora, produtiva e de influência (comunicativa). “Foi uma honra participar do evento no Dia Internacional das Mulheres no formato streaming para Frísia com o tema Liderança 4.0. Acredito que ser líder de si é ponto principal para melhorarmos nossos resultados em todas as áreas da vida. A liderança gera impacto positivo no mundo, é aquela em que vivemos alinhadas ao propósito”, afirma Chai Carioni, palestrante formada em Administração pela Universidade do Estado de Santa Catarina, com MBA em Gestão Estratégica de Pessoas e curso de extensão em Business and Management for Internacional Professionals, nos Estados Unidos.

Integrante da Comissão de Mulheres da Frísia, Ana Paula van der Vinne disse que foi “muito gratificante” representar as mulheres da Frísia no evento. “Cada ano que passa conseguimos visualizar mais participações femininas nos comitês e gerências, o que mostra a real abertura da cooperativa para isso, e ficamos felizes que a Frísia visualiza e valoriza a competência e experiência dessas mulheres. A brilhante palestra da Chai Carioni nos mostrou uma metodologia simples e prática para nos organizarmos nas quatro forças de transformação e, com isso, desenvolver uma liderança construtiva na propriedade rural”, afirma Ana Paula.

Durante a palestra, houve a apresentação de um vídeo com o resumo dos últimos eventos realizados na cooperativa. Luciano Tonon, responsável pelas Relações Sociais e Cooperativismo da Frísia, contou que a cooperativa irá realizar uma série de projetos em 2021, a começar pela continuidade do Programa de Desenvolvimento da Liderança Feminina (PDLF), voltado às mulheres do agronegócio. “O programa vai tratar de módulos de sucessão, gestão e governança, além de cursos de capacitação na área de gestão de processos, financeiro e de pessoas”, explica.

Ao fim da palestra virtual, o público acompanhou uma apresentação de violino de Lucas Kugler e Lucas Los.

O vídeo do evento está disponível no canal da Frísia no YouTube.